Background

quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Insegurança

Eu não vou desperdiçar a chance de me encontrar com meus pensamentos agora, madrugada adentro.
Enquanto o mundo gira eu continuo fantasiando, me decepcionando comigo mesma, com a minha própria inconstância; me olhando no espelho -não, eu não gosto do que vejo. Num dia eu estou forte, invencível. No outro eu me transformo num rio de lágrimas, me abato facilmente.
A escuridão não pode me cegar, o medo não pode me paralisar e eu não vou ficar diante do meu sonho e esmurecer, dessa vez eu não me permito falhar.
Se eu pudesse, hoje eu queria sentar ao lado da razão,conversar com ela, descobrir como eu consigo deixar ela escapar quando eu mais preciso, qual é seu ponto fraco, onde a emoção toca e ela se desmancha.
Eu sinto cócegas na minha emoção.


Esse texto foi escrito na madrugada do dia do vestibular.
Relê-lo, sentir de novo aquele medo sem fim, misturado com a vontade de vencer, lembrar de mim no colo de minha mãe contando o quanto eu me sentia fraca e tão perto do meu sonho, o quanto eu tinha medo de ter algo tão grande nas minhas mãos, o quanto eu tinha medo de tropeçar e deixar cair. Reviver isso me fez um bem danado, compartilhar com vocês melhor ainda.

•Tô postando menos porque meu computador tá muito ruim, eu sou muito impaciente e a lentidão dele não me faz nada bem. Não consigo ver isso como uma terapia.

10 comentários:

Polêmica disse...

Oi Layz, se sabe que eu também tenho esses momentos de inconstância, principalmente no meu campo sentimental!!!

Beijinhos!

Sheyla disse...

Layz,
Gosto das suas palavras. Dê um jeito no seu computador, tá?
Quanto as inconstâncias, nada que o tempo não resolva.
Bjs

Gabriella disse...

Inconstância é um sacooo viiiu, tô sofreendo tanto com ela =/
Aaah Lay trate de consertar seu computador viiiu. Ficar sem ler seus textos não dá meesmo!
beeijo Lay delíciia!
;**

Bioluminescent Heart disse...

Uau... sem palavras. Seu texto me provocou emoções. Incrível sua capacidade de expressar sentimentos através de palavras. Estou começando a escrever, e espero algum dia chegar a esse nível! Meus parabéns!

Beijos!

BetA disse...

Oi linda! Desculpe a ausência viu!

Muiiiito bom saber que vc progrediu!Lindos textos estão estampados aqui! Uma pena seu computador estar lerdo...Quem perde somos nós =\

Algo grande só é deste tamanho até que tenhamos a habilidade de fracioná-lo e entender. Só depois é que podemos dizer se o grande é grandioso ou era apenas uma miragem...

***

Jéssica disse...

Quem consegue ver um computador lento e não ficar puto? Impossível... Terapia pra mim é massagem e não pc lento!


É tão ruim e bom ao mesmo tempo quando se está prestes a receber um grande presente. Um presente que nem sabe se vai receber mesmo ou não. É uma insegurança infinita. Mas, depois que passa, a gente ri e lembrar, às vezes, faz bem.

:**
Adoooooro aquii!

André dos Reis disse...

brigado pela visita e pelas palavras ^^!!!

visite sempre!
E Deus ilumine muito sua vida, insegurança é sempre o chamado do Pai para que você se prostre e admita q queres q Ele faça a vontade dEle na sua vida!

bjaumm

Vanessa disse...

Lai, nossa...tá faltando comentário meu por aqui. Estou numa correria, mas tou tentando organizar minha vida pra comentar e postar com dignidade.rs

é, engraçado...
depois de ter conseguido uma vitória, ler o que antes te amendrontava, te fazia tremer.
Que alívio poder ler isso novamente e sorrir, hein?

beijos

Andréa Trindade disse...

palavras fortes e tocantes. é... as incostancias incomodam mas as vezes são necessárias, ja que alguem um dia falou que tudo na vida tem sentido,
, logo, as inconstancias também devem ter. belo texto

Naraiana Costa disse...

Essas cócegas me atingem hoje.