Background

quarta-feira, 30 de julho de 2008

expectativa


Por favor, não espere muito de mim.

Saber muito não significa ser melhor, eu posso saber demais, mas quem te garante que numa esquina qualquer eu vou ouvir meus pensamentos, saber o que eles tem pra me dizer? Quem é certo demais não vive, passa pela vida como uma música num fim de tarde, que ilumina e depois passa. Não é bom se policiar demais, se medir demais, tentar caber.


Eu não te prometo nada, só a mim -- eu prometo ser tua, e só. Se ter a mim não te basta, não sei mais, é tudo que eu posso te dar. Não te prometo flores, canções,poesias com dia certo pra acontecer, não te prometo ser previsível, ligar antes de aparecer, não prometo.

Se um dia me der vontade eu te mando flores, te ligo, apareço quando você menos esperar, escrevo versinhos lindos pra você, mas só se eu sentir vontade, não me force. Quando eu sinto que eu estou sendo induzida, isso me freia logo. Prefiro palavras soltas, prefiro malandragem e nesses momentos é bom nem sentir, só se entregar.


E se eu finjo que não vi, é porque quis, eu vejo mais do que você supõe. Muitas vezes enlouqueço sozinha, com meus pensamentos, formulando teorias loucas sobre tudo. Só é necessário uma verdade, eu crio, fantasio em cima dela.

Nada é necessário quando se tem um ao outro. TER não no sentido de POSSUIR, mas de poder CONTAR com alguém, ter um ombro cativo, um sorriso que só desponta assim com você.


Espere de mim só amor, surpresas. Não pense que eu não vou errar, dobrar numa esquina qualquer, me perder um pouco mas me encontrar logo, em você. Mas deixa eu te contar um segredo, deixa eu ser repetitiva, por favor: Não espere muito de mim, de ninguém, afinal. 'A expectativa é a mãe da decepção.'

Espere pouco, quase nada. Viva um dia de cada vez.

É proibido pensar no amanhã, ele acontece por si só.



Se você quiser ser minha estrela, eu deixo você brilhar no meu céu
Longe de todas as teorias absurdas que a vida, no entanto, deixa em mim.
Uma estrela com um brilho diferente, bem do seu jeitinho
Me completando assim, no meu céu escurinho.
O céu não é bonito sem a estrela,não há razão de ser.
O encanto está no brilho, na rima, na idéia de minha estrela ser você.


11 comentários:

Eric Luis Carvalho disse...

PEna que não tem nada que reproduzam aplausos por aqui...mas vai assim "clap clap clap".

PS: Uma amiga sobre teus textos..."gosto de ler os textos dela. me sinto bem lendo coisas que podiam estar acontecendo em minha vida. é como se ela fosse um pouquinho de todos nós"

=D

é essa é tu...[:d]

Lydia disse...

Cheguei aqui através de algum blog em comum, e gostei demais dos textos aqui encontrados.
Tão românticos, verdadeiros, lindos!
Voltarei mais vezes de certeza.
Beijão!

Lara disse...

Linda Linda :D
cada mais inspiradora e real, você tem muito futuro Lay!

beeijão :*

Naraiana Costa disse...

é verdade...
[vou tentar reproduzir outro tipo de palmas: plac plac plac]
assauihsauihsuiahuisa

Admiro essa liberdade.

Naraiana Costa disse...

comentei nos posts anteriores.

Gabriella disse...

"é como se ela fosse um pouquinho de todos nós"

eu digo que, é como você fosse MUUUITO de mim!
Laay, eu já te disse... escreve um livro amiigaa
JHSAUHSUAHUSAHASUHSA
=***

BetA disse...

Obrigada pela visita!

Adorei!

Seu blog é mto fofo tb!Parabéns pela aprovação. Você vai ver que o difícil mesmo é sair (mesmo pq é tão bom estar lá! rsrs...)

sobre o post: nem tanto, nem tão pouco. Sem pressão, desde que não peça, certo?
;)

Apareça sempre ok?

bjs

***

Mysterious Ways disse...

Nossa que texto lindo !
Adorei.

Desculpe a demora pra vir agradecer sua visita no meu blog !

Venha sempre !!

Parabéns pelo seu blog. Lindos textos !

Anônimo disse...

Sim, provavelmente por isso e

mariana disse...

Páraaaaaaaaa...

Esse texto só pode ter sido
escrito por um aquariano..

Aposto.. apostoo..

mariana disse...
Este comentário foi removido pelo autor.