Background

sábado, 13 de setembro de 2008

Cicatriz


Não gosto quando você resolve perceber minhas cicatrizes.
Pare para observá-las apenas quando se descobrir disposto a amenizá-las, fazer menos essa cara de nojo com as feridas que meu coração pegou numa viagem qualquer.
Quando eu te sentir forte, eu as exponho para que tudo vire líquido, escorra por entre as feridas e as deixe gélidas, lave-as, diminua as cicatrizes e faça a dor virar lama.

ps:.
•Obrigada pelo carinho, pelos comentários, vocês não sabem o bem que me fazem e como me incentivam a continuar com o blog, cada vez que eu respondo um comentário eu me sinto embarcando numa nova viagem, cada blog me faz levantar diferente da cadeira. =D Adoro vocês;

•Ontem, mais uma aventura na cozinha, arráááá!
Um beijo e boa semana♥

12 comentários:

Janete Andrade disse...

quem dera eu poder transformar todas as minhas cicatrizes em lama... :~

=*

Naraiana Costa disse...

"eu qeuria manter cada corte em carne viva.
a minha dor em eterna exposição.."
(leoni - 50 receitas)

instantes e momentos disse...

delicia voltar sempre aqui. ótimo teu blog. Aventura na cozinha.
pode isso?
Maurizio

Rebeca Almeida disse...

conseguistes mais alguém para te incentivar à continuar :*

. os seres humanos (não) me assombram .

Tata disse...

Que belo escrito, linda. Gostei muitissimo, muito.
As cicatrizes nos deixam fortes. Ao menos quero crer que sim.

Beijão!!

Máa ;* disse...

cicatrizes eternas, tantas que eu desejo esquecer, e tudo o que faço é lembrar da existencia das mesmas.

quero aprender a cozinhar,
sou um fracasso na cozinha :)

Bárbara M.P. disse...

Olá Layz,

Seu blog é um encanto.. mesmo nos textos mais intimistas existem traços de carinho, de cuidado. É realmente o doce de que fala o título.

Um beijo querida,
Bárbara

"O Autor", disse...

Quem não tem cicatrizes, nunca sentiu uma rosa.

Roberta Costa disse...

Seu blog é lindoo..vc uma fofa q escreve hiper bem!!

:)

Nathália disse...

Dizem que cicatrizes são importantes para que nunca nos esqueçamos de certos fatos, mas sabe, pra mim elas deixam tudo muito feio.

Lily disse...

vc me fez lembrar de 2 músicas!
uma se chama "Cicatrizes", e é do MPB 4, mas a Roberta Sá tb guardou!
é lindíiiiissima!!!! escute-a, se não a conhecer!

e outra tem mais a ver com o seu post: conhece a 50 receitas, do Leoni? Tem uma frase que ele diz: "Eu queria manter cada corte em carne viva"... pq qndo as dores cicatrizam, as marcas ficam mas a gente esquece um pouco da intensidade do sofrimento q provocou tais cicatrizes...

acho q elas são fundamentais, na verdade! nem q seja para nos fazer lembrar de q a dor existiu, pelo menos!

bjkss

Tatah Marley's Confissões disse...

seu segundo nome é poesia né?
lindo lindo!
*----------------*
beijinhos!