Background

quinta-feira, 25 de junho de 2009

confissão

Hoje é o dia de escrever vomitando aquilo tudo que se digere (mal digere) por todos os dias, até aqueles que não tem fim.
Perdoem a minha ingratidão e o meu jeito sutil de dizer verdades sorrindo, agindo em segredo, meu jeito de me libertar e não me prender ao que fazem por mim, mas apenas ao que meu corpo quer agradecer, minha alma quer retribuir.
O meu jeito de agradecer aos ingratos e desagradar aqueles a quem eu devia tanta devoção. A entrega secreta e desordenada, o meu jeito de se sentir livre e tudo isso porque eu sei que quando eu não viver mais eu vou estar viva em pedaços, distribuída sem critérios em alguns, que talvez nunca se saberão.
Enlouqueça, não esqueça que pode ser a única chance de enlouquecer. A paixão traidora pode ser a saída, o amor certo pode ser o refúgio, a dúvida é o consolo e o riso frouxo é a recompensa.
Não há mais como me esconder de mim, escrever me deixa assim sem pudor, sem roupas, olhos fechados e a sensação de respirar fundo e sentir tudo que se pode sentir.

Não vou reler, gosto que as coisas estejam cruas, esteja a essência, mesmo que sem a estética.

9 comentários:

Danusa disse...

Olá! Eu que agradeço sua visita... Eu amei seu blog no primeiro instante, principalmente porque o texto falou muito comigo, num dia em que eu não sabia como me explicar..tanto que usei-o em meu espaço, e claro indicando a fonte e colocando-a em meus favoritos.

Bjos!!!!!

Eric Luis Carvalho disse...

Coisa boa ver e ler vc aqui. Sempre bom demais! Beijo Muzenza!

Jéssica disse...

Queria estar assim, super a flor da pele. Mas não.

;~

;**

- εїз Fabi εїз - disse...

"...Não há mais como me esconder de mim..."

Não se esconda do que há de mais belo em sua vida, você.

Desabafos são sempre bons, emitem a essencia do ser! ;)

beijos

^^

Anônimo disse...

Você é de um talento incrível, escreve dizendo o que a gente sente e não sabe dizer.
Admiro muito você.

Bruna Trindade disse...

Meio hippie...(haha)
..mas gostei!

Gabriella disse...

Amiiiiiiiiiiga, tem um tempinho que eu não passo aqui né?!
Me baeteu uma saudade de você e dos seus textos hoje, os doois me fazem tããão beeem *.*

MUITA MUITA MUITA saudade de vocÊ!
TE AMO!

P.S: aaaH, você continua escrevendo divinamente Lay!

ma! =) disse...

Fiquei sem saber o que dizer.. e então?

Nathália E. disse...

"e não me prender ao que fazem por mim"
Me vi todinha nessa frase.